A Ciencia confirma Quem tem amigo vive mais
Postado em | Escrito por: Romildo Ribeiro de Almeida
0 Comentário

Amigo é coisa pra se guardar. A musica de Milton Nascimento já dizia isto, mas quem diz agora, são os psicólogos. Sim. De acordo com estudos recentes de psicólogos australianos, relações estáveis entre pessoas estimulam a saúde mental e física e até mesmo prolongam a vida.

Lynne Giles, da Universidade de Flinders, Austrália desenvolveu uma pesquisa de longo prazo que se concentrou em ambiente social, estado de saúde, estilo de vida e na idade de morte de 1.477 pessoas acima de 70 anos. Os participantes foram questionados sobre a freqüência e a quantidade dos contatos que costumavam ter com amigos, filhos, parentes ou conhecidos. Em dez anos, os pesquisadores mantiveram sempre um quadro atualizado da situação dos participantes.
Durante a análise dos dados, os cientistas perceberam, para seu espanto, que as amizades aumentavam muito mais a expectativa de vida do que, por exemplo, o contato íntimo com filhos e parentes – independentemente de fatores como o status socioeconômico, a saúde e o estilo de vida. E isso continuava valendo, mesmo quando os amigos se mudavam para outra cidade, por exemplo.

Mas os benefícios não param por aí. Os efeitos práticos médico-psicológicos de tais contatos sociais já foram comprovados, por exemplo em casos de doenças cardiovasculares, pressão alta ou problemas gastrointestinais. Eric Loucks, da Escola de Saúde Pública de Harvard, em Boston, descobriu, por exemplo, que a circulação de interleucina-6 no sangue de homens idosos com um grande círculo de amizades é bem menor do que no sangue daqueles que são sozinhos. Essa substância causadora de inflamações é considerada um fator de risco para doenças cardiovasculares, pois aparentemente estimula a arteriosclerose – a temida “calcificação das artérias”.

O conhecido ditado: “Santo de casa não faz milagres”, nesse caso, é verdadeiro, já que o estudo comprovou, também, que o contato íntimo entre parentes mais próximos não substitui os efeitos benéficos dos contatos sociais com amigos. Isto, porquê amigos a gente escolhe e parentes, não.

Então, o que você está esperando? Ao menos por uma questão de saúde, FAÇA AMIGOS!

Entre em contato!


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.