É possível prever o futuro?
Postado em | Escrito por: Romildo Ribeiro de Almeida
0 Comentário

Nancy vai a uma vidente, uma senhora loira de meia idade, de olhar penetrante que a convida a entrar em uma pequena tenda vermelha. No centro uma mesa com uma espécie de cristal. Pirâmides, anjos, duendes e incenso completam a decoração. A vidente pede que Nancy se concentre e com voz calma começa a falar “Você terá um futuro brilhante e será feliz se perder o medo. Há pessoas, das quais você nem desconfia que querem o seu fracasso. Tenha coragem de dizer não. É melhor sofrer um pouco agora do que ser infeliz mais tarde”.

Nancy vai embora perplexa. O que a vidente falou, bateu em cheio com o que estava vivendo. Vivia um romance há mais de cinco anos que não atava, nem desatava. Por diversas vezes, pensara em terminar tudo mas tinha medo de se arrepender. Na empresa em que trabalhava, nunca era promovida, embora fosse competente e dedicada. Como pode?

Este caso é fictício, mas poderia ser verdadeiro pois é exatamente o que acontece nos “consultórios” de adivinhação.

É possível predizer o futuro?

Premonição ou precognição é a capacidade de predizer o futuro. Todos nós temos uma faculdade chamada Psi-gamma. (Psi = alma, gama = 1ª letra da palavra gnoses que em grego significa conhecimento).

Seria então uma modalidade de conhecimento vindo direto da alma sem o uso dos sentidos. Ocorre que esta faculdade é inconsciente e independe do nosso controle, quem tenta predizer o futuro propositadamente pode até acertar algumas vezes, por acaso, mas acertar sempre, nunca. Não importa os meios utilizados, que podem variar. Leitura das mãos, cartas, búzios, tarôs, números, mapas astrais, espíritos dos mortos, dos vivos, etc. Quem se propõe a adivinhar dessa forma é um charlatão quando cobra consulta ou um maluco quando faz por caridade ou as duas coisas juntas.

Notem bem, a faculdade psigâmica existe. Foi comprovada cientificamente nos estudos feitos por J.B.Rhine da Universidade de Duke, EUA em 1950 e posteriormente publicados no livro Extra Sensory Perception. Esta Faculdade pode se manifestar em qualquer um de nós uma vez ou outra de maneira expontânea. Quem nunca sonhou com algo que mais tarde veio a acontecer? Agora dominar essa faculdade é impossível, querer utilizá-la é loucura.

Hoje em dia virou moda querer saber do futuro. É só ligar a TV e ver os muitos serviços que são oferecidos: disque tarô, Delfos, Walter Mercado, Mãe Diná, etc. Os serviços são cobrados em conta telefônica numa parceria canalha entre as empresas de televisão, telefone e os que se dizem videntes. Isto é propaganda enganosa e as autoridades não fazem nada.Todos ganham, só quem perde é quem liga pois paga uma fortuna para ouvir bobagens.

É bom que se saiba que o nosso futuro não está predeterminado. Deus nos deu o livre arbítrio para escolher o que quisermos. O futuro é casual e livre. Isso significa que se eu resolvo ir ao Rio de Janeiro agora, pego a ponte aérea, ônibus ou vou a pé, pois sou livre para decidir. Porém estou sujeito às contingências do acaso ou seja: o avião pode cair, o ônibus capotar, ou ser atropelado no caminho. Mas posso também cancelar minha viagem e ficar aqui mesmo, pois sou livre.  Estarei sujeito a outros acasos. Um cachorro pode me morder, posso tropeçar ou ganhar um prêmio na loteria. Como vemos o meu futuro depende das minha intenções que por sua vez, estão atreladas a minha liberdade.

Concluindo, ao invés de procurar o futuro fora, é melhor procurar dentro de nós mesmos, buscando o auto-conhecimento, nos entregando, sim, aos desígnios de Deus. Ele com sua luz e nós com a liberdade que Dele recebemos, podemos trilhar os melhores caminhos para encontrar a paz que tanto buscamos.

Entre em contato!


Deixe uma resposta